REDE/AMUCIP convida: IV tertúlia “Cultura cigana: perspetivas de género através dos tempos”, Amora, 11 Jan. 2016

12 jovens mulheres ciganas participam no projecto “EmPoderar: do sonho à ação”: programas de mentoria, de desenvolvimento de competências, e outras iniciativas de capacitação e empoderamento fazem parte de um projecto em que as jovens desenvolvem, em grupo, projetos potenciadores da empregabilidade no Terceiro Setor.

No dia 11 de janeiro, pelas 16h30, vai ter lugar a IV Tertúlia do Projeto: “Cultura Cigana – Perspetivas de Género Através dos Tempos”, na A.R.I.F.A. , Amora.

Promovido pela REDE Portuguesa de Jovens para a Igualdade de Oportunidades entre Mulheres e Homens pela AMUCIP – Associação para o Desenvolvimento das Mulheres Ciganas Portuguesas, o projeto está a decorrer desde Abril de 2015 com as seguintes finalidades:

  • Desenvolver as competências das destinatárias para o mundo do trabalho;
  • Promover a literacia funcional e financeira das jovens mulheres ciganas;
  • Promover a igualdade de género e o combate à violência de género na comunidade cigana;
  • Dar visibilidade às mulheres ciganas ativas na esfera pública;
  • Combater os estereótipos que levam à exclusão da comunidade cigana;
  • Capacitar jovens mulheres ciganas para o empreendedorismo social, autoemprego e formas alternativas de emprego no Terceiro Setor.

Toda a informação sobre o projeto aqui.

Para saber mais sobre mulheres ciganas, questões de género e discriminação múltipla e interseccional, ver o site da PpDM aqui.

Para conhecer as recomendações do Comité CEDAW – Convenção para a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação Contra as Mulheres da ONU ao Estado Português sobre mulheres ciganas de Novembro de 2015, ver aqui – parágrafos 42 & 43. Para conhecer o que a PpDM relatou à CEDAW sobre esta matéria no nosso relatório sombra, ver aqui.

Deixe um comentário

Malcare WordPress Security