Quais os progressos e os esforços qualitativos efetuados pelos Estados-Membros da OSCE para o avanço da participação política das mulheres? Este é o objeto da reunião de peritas/ os que decorre hoje e manhã em Varsóvia, organizada pelo Escritório para as Instituições Democráticas e Direitos Humanos (ODIHR) da OSCE.

Entre as cerca de 30 peritas/os neste domínio, incluindo representantes das instituições da OSCE e operações no terreno, de organizações internacionais relevantes, de ONG’s, académicos/as e peritas/os independentes, encontra-se Isabel Romão, membro de Portugal na Comissão para a Igualdade de Género do Conselho da Europa, que fará uma intervenção relativa à relevância da Plataforma de Ação de Pequim, vinte anos depois, e dos instrumentos do Conselho da Europa para o avanço da participação das mulheres na vida pública e política.